Curso de Extensão DESIDERIUS ERASMUS

Instrutores

Bruno A. de Cerqueira

Ver currículo aqui.

o

 

Clara Monteiro

Clara Monteiro de Castro Pinto graduou-se em Relações Públicas pelo UniCEUB (Centro Universitário de Brasília) em 1982. Cursou a pós-graduação em História Cultural  na UnB (Universidade  de  Brasília).  Tem em seu currículo vários cursos de extensão em Comunicação  Social,  Marketing,  Administração, Gestão do Conhecimento, Cerimonial e Protocolo, Processo  Legislativo, História do Legislativo Brasileiro, Direito Administrativo e Direito Constitucional.

Foi professora do curso de Relações Públicas e de Jornalismo do UniCEUB  e ministrou  cursos  de  Eventos,  Protocolo  e  Cerimonial  no  Ministério  da  Educação,  na  Companhia Vale do Rio Doce, na Faculdade de Ensino Superior da Paraíba, na ANFIP (Associação Nacional dos Fiscais da Previdência), na UDF (Centro Universitário  do Distrito Federal), no IDP (Instituto de Direito Público) e no CEFOR  (Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento  da  Câmara  dos  Deputados), onde ministrou cursos para funcionários das Assembleias Estaduais.

É analista legislativa da Câmara dos Deputados e chefiou o Cerimonial da Casa entre 1999 e 2007.  Foi responsável pela elaboração do Ato da Mesa que regulamentou as Normas de Cerimonial e da Ordem Geral de Precedência da Câmara dos Deputados, editado como ato da Mesa Diretora em 2009.

Exerceu também na Câmara dos Deputados a função de Relações Públicas e de Assessora Internacional na Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e na Comissão de Seguridade Social e Família. Na Liderança da Minoria, exerceu a função de Coordenadora da Assessoria de Imprensa. Atualmente, exerce a função de Assistente do Chefe de Gabinete da Secretaria da Mulher da Câmara dos Deputados.

Entre novembro e dezembro de 2003, a convite da União Interparlamentar — organização  internacional com  sede  em  Genebra — e do PNUD (Programa das Nações Unidas para o  Desenvolvimento),  prestou consultoria ao Parlamento Nacional da República de Timor Leste, na  capital  Dili, para a criação das normas de cerimonial e protocolo da instituição, e ainda forneceu treinamento aos deputados, diretores e servidores do Parlamento timorense.

Em 2001 foi condecorada pelo Comando do Exército (Ministério da Defesa), com a Medalha do Pacificador.